11.9.10

Corregedoria e ouvidoria PMPE

 
 Ao contrário do que muitos pensam a corregedoria e ouvidoria podem ser grandes aliados dos praças na correção das injustiças que ocorrem cotidianamente nas casernas. Se seus direitos estão sendo feridos entre em contato atravs do telefone da corregedoria (3184-2767) ou ligue gratis para a ouvidoria através do fone : 0800 081 5001. Detalhe: você também pode fazer sua denuncia através do e-mail  ouvidoria@sds.pe.gov.br  não prescisa se identificar e você receberá em até 5 dias uteis resposta da ouvidoria em seu email anônimo sobre sua      reclamação. AGORA APROVEITE E MUDE A CORPORAÇÃO.

15 comments:

DJ LUIZ said...

E-mail enviado a corregedoria (SDS) as 21:25 no dia de hoje Venho por meio desta formalizar a denuncia sobre policiais que em uma operação efetuada hoje por volta das 16:00 horas ,invadiram minha casa a procura de possíveis drogas tendo meu irmão como suspeito e estando eu ausente(não moro na mesma residência).esta mesma postagem estara em toda mídia e Email em meu poder para que as autoridades competentes tomem conhecimento e cheguem a punição desta arbitrariedade segundo o Art. 5º, inciso XI - A casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial;
Continuando onde em nenhum momento foi me mostrado nem um mandato pelo fato simples de minha residência esta fechada e eu em ausente e sem dever nada a lei.

Anonymous said...

boa noite venho atravez desta corregedoria, fazer uma denuncia, sobre um policial despreparado em aboragem, muito ignorante, que me abordou hoje por volta das 19:50,o mesmo estava na moto oficial de PGE 0263 ou é 0269, ele é moreno baixo, eu pedir pra ele ser mais brando e ele queria me algemar e dizer que era por desacato a autoridade, eu sou evamgelico tenho 36 anos e moro aqui em jaboatão,ja fui abordado por outros policiais, e muito educado e treinado,ja esse usou o abuso de autoridade, quero uma resposta a atitude, que vcs tomaram, pois vou legvar a frente, e pra mim foi constregedor pois tinha muita gente, na rua onde moro, sou casado, e por eu esta de chapeu e bermuda, isso não me intitulariza nenhum bandido,sou trabalhador, e não marginal, para tanta agressevidade! vou procurar meu advogado,e entrar com um processo!contra o estado!pois não esborcei nenhuma reação, ao que me pediram, e tenho muitas testemunhas, que me conhecem!pois tem que saber aborda pessoas de bens, obg boa noite!

Anonymous said...

Boa tarde, venho por meio deste dar a informação de que neste ultimo domingo(19.01.2014) deu entrada no Hospital Prontolinda uma mulher com ferimento na perna realizado pela arma de fogo de um PMPE que a estava acompanhando e que esta mulher ainda se encontra neste mesmo hospital e o pmpe nada informou ao seu batalhão. e nem o hospital chamou a policia para apurar o caso e não ha ocorrencia nenhuma do fato no momento. este recado esta sendo enviado a mais órgãos superiores competentes também. vamos ver que apura primeiro, ou se vão deixar para cardinot ou demais midias, pois foi tudo filmado. sem mais.

Justiça mostra tua cara said...

Hoje 16-03-2014, faz um mês da morte do vaqueiro Glauco Magalhães
Hoje , completa um mês da morte do Glauco.

A POLICIA MILITAR ,ATE AGORA NÃO TOMOU NENHUMA ATITUDE CONTRA O PM , QUE TIROU SUA VIDA.

Se em Serra Talhada , aumentou significadamente a criminalidades, e o auto índices de homicídios, por outro lada a incapacidade de certo policial de não controlar sua própria reputação de violência , levou a acrescentar falta de confiança da população nos nossos policiais.
A instituição da PM, deve combater as violações aos direitos humanos, não deve se alimentar de politicas públicas irresponsáveis, que tolera a conduta de policial abusivo. Conclamamos, a aderir ás normas internacional de respeito aos direito humanos.
Os parentes, amigos e a sociedade estar esperando uma resposta da corporação da PM , que usem sua força institucional que sempre trabalhou horadamente para promover a paz social, e sua influencia politica e moral, pra condenar publicamente e de forma inequívoca a violência ilegal praticada pelo PM, Marcos Clebson. Onde a policia civil terminou indiciando esse PM pelo homicídio de Glauco Magalhães de 19 anos, no dia 16/02/ 2014. O PM Marcos Clebson, teria disparado duas vezes contra o jovem vaqueiro Glauco . No dia seguinte , o acusado se apresentou ,alegando legitima defesa, e continua trabalhando internamente na sua corporação , mesmo depois de ter sido indiciado pelo o crime de homicídio. Segundo o Delegado de Serra Talhada Adriano Teixeira , responsável pela a investigação do crime , NÃO HOUVE LEGITIMA DEFESA , principalmente depois da confissão do PM. A VITIMA GLAUCO MAGALHÃES ESTAVA DESARMADO.
Haja visto que se trata de conduta desregrada e totalmente incompatível a administração moral da PM, é difícil compreender como um PM , na condição de indiciado por homicídio confesso , ainda esteja trabalhando mesmo que seja internamente dentro de uma instituição que prima pela honra , e comprimento da lei em defesa da sociedade e dos direitos humanos . Trinta dias já se passaram e nenhuma atitude ou decisão foi tomada pelo o comando da PM em EXPULSAR, EXPURGAR da corporação esse PM , na qual naõ deveria mais fazer parte dos pilares básicos da hierarquia institucional da policia militar.
'' A injustiça que se faz a um,
é uma ameaça a que se faz a todos''[ Montesquieu]






A impunidade não salva da pena e castigo merecido,
retarda -o para o fazer mas grave pela reincidência
e a gravação das culpas e crimes subsequente .

maria trindade said...

essa semana se completou 51 anos de tortura do regime militar e estamos no século 21 e ainda hoje se tem cenas de torturas pelos políciais militares eu não aceito que isso se repita e quero meus direitos resguardados.venho aqui fazer uma denuncia como tantas outras que vejo aqui nesse blog.políciais do Gati invadiram minha casa atrás de um suspeito de homicídio sendo esse meu irmão mais novo,e chegando em minha resid~encia homens armados entraram,quebraram minhas coisasdesarrumara minha casa e o pior agrediram físicamente meu irmão mais velho na frente de minha família inclusive de meu filho de 3 anos quebram briquedos dele e ainda abriram e jogaram a bolsa escolar dele. MEUS DEUS aonde isso vai parar?espero que esse policiais sejam banidos da polícia pq eles são pagos com nossos dinheirotudo que tenho na minha casa foi fruto do meu suor trabalho em uma faculdade e quando cheguei a notícia!meu irmão tem um problema de fala e psicológico,espero que o secretário de segurança faça alguma coisa sabendo que também vou formalizar a denuncia na corregedoria e processar o estado também!isso é cruel!

Anonymous said...

Bom dia, venho através desse e-mail fazer um apelo por justiça e com um pouco de urgência.
Em novembro do ano passado(2013) o Cap.Clécio Luiz de Sá e Silva, de folga em um evento(expo-Mel) na cidade de Moreilândia-Pe depois de ingerir bastante bebida (cachaça) veio a brigar e a ameças pessoas, inclusive chegou a sacar e efetuar vários disparos chegando a ferir de raspão uma pessoa.
Desde esse dia não consigo mais dormir com medo de o mesmo fazer alguma coisa com meu filho que, infelizmente, estava no meio da confusão, O capitão ficou ligando para os celulares do pessoal falando que era comandante daquele pelotão e fazia e desfazia ali.
Gostaria muito que isso fosse apurado. Vou colocar os nomes das pessoas envolvidas e seus endereços;
Vitimas:
---->Estenio
Filho: Terezinha Miranda e Valnir Miranda
Endereço: Rua 15 de Novembro

------->Elton ou Eltinho
Filho: Carlinho Frozinho (Meu Filho) e Socorro Frozinho
Endereço: Rua Coronel Romão Sampaio

------>Rogerio (Biro)
Filho: Baiano do trator

Foi um fato que chocou toda a cidade! como pode um Cap. fazer um coisa daquela? o fato foi informado ao comandante do 7ºBPM, mas até agora nada foi feito, e fica prevalecendo a impunidade. Agradeço imensamente as providências que sei, serão tomadas.

edwin ed said...

por volta das 000 e 20 minutos de 04 de janeiro de 2015 um bando de desocupados estavam jogando bola na rua em que resido fazendo aruaças,badrena, jogando pedras em residências.eu e os moradores fomos reclamar aos pais dos baderneirso houive discussão banal.quando de repente uma viatura que fazia ronda na localidade veio averiguar o ocorrido quando um policial aparentemente um adolescente me deu um chute por trás sem averiguar o fato ocorrido o que causou revolta a população e indignação a sua abordagem reclamei da atitude do mesmo dizenfo que iria procurar os meus direitos quando o policial entra na viatura e diz que cabia ao povo resolver a fato ocorrido entrou naviatura e se evadiu do local em alta velocidade não dando tempo das pessoas anotarem aplaca da viatura gostaria de saber da corregedira se existe meios de localizar a viatura pela central de operações ou ciods para que possa procuar os meus direitos.

Osmar Alves said...

Bom dia, venho através desta parabenizar todos os policiais militares e civis, que todos os dias arriscam suas vidas em prol da população e quase nunca são homenageados pelos atos de bravura. Só vejo nestes comentários denúncias, que com certeza devem ser apuradas, porém gostaria que os cidadãos que de alguma maneira tivessem recebido a ajuda de um policial, também viesse neste blog fazer um homenagem, pois como vocês eles também são humanos.

Etevaldo júnior big said...

MEU NOME E ETEVALDO FRANCISCO DA SILVA JUNIOR TENHO UM TERRENO ERANCA DE FAMILIA TEM UM POLICIAL DE VITORIA CHAMADO RAPOZAO CONHECIDO POR CLAUDIO ESTA AFASTADO DAS ATIVIDADES TOMA TERENO METE PISTOLA NA CARA DOS OUTROS MINHA MAE ESTA NO HOSPITAL DOM EUDE CAMARA NO CABO TEVE UM INFARTE POR CONTA DO TERRENO O PAI DESTE POLICIAL E O IRMAO FORAM ASASSINADO PORQUE ERAM BANDIDO E ESTE POLICIAL VAI NO MESMO CAMINHO PERÇO QUE ALGEM TOME PROVIDENÇIA MORO EM VITORIA DE SANTO ANTAO BR 232 KM 50 REDENCAO TELEFONE 987552156 AS PESSOAS MIM CONHEÇE COMO BIG OXI GENIO VITORIA 14 DE 10 2015 JA DEI PARTE NAO ADIANTA

Anonymous said...

Bom dia! Gostaria de informar a presença de elementos armados e traficando na comunidade do capua, em Areias próximo ao mercado público, dois elementos atendem pelo vulgo "bombinha", e " Victor ", este guarda as armas e drogas em sua residência. Esperamos o mais rápido possível a ação da Polícia. Também cometem homicídios. Grato!

Anonymous said...

Bom Dia, venho pedir socorro para os moradores da Rua Sargento Wilson Viana em Coqueiral que todas as sextas feiras tem sua portas fechadas pelo funcionamento de um bar no numero 37 da referida rua, com som abusivo e consumo de drogas à céu aberto, impossibilitando o sossego e segurançã dos moradores até às 3:oohs da madrugada, todas as semanas acionamos o 190 e até agora nenhuma providência foi tomada.

Anonymous said...

Saudações Srs. Corregedores.
A minha pergunta é simples.
Porque o estado de pernambuco possui os policiais mais despreparados de toda a federação?
Sei que a resposta não é simples, pois para lidar com "pessoas" que buscam a todo o momento praticar o mal não é tarefa simples, e até melhor dizendo é tarefa árdua.
Mas abordar toda e qualquer pessoa de maneira rústica, grosseira e beirando à violência física demonstra o nível de treinamento que esses policiais recebem.
Hoje, mais uma vez, fui vitimado por um desses policiais e posso ser bem sincero em dizer que nunca me esquecerei disso, pois apoio a valorização do policial de um modo geral, ou melhor dizendo, apoiava.
Pois essa não foi a primeira vez, na verdade já perdi as contas de quantas vezes fui abordado de forma desonrosa, ou me foi exigido dinheiro (propina).
Em verdade mudei minha forma de pensar.
Não mais apoiarei a valorização do policial militar.
Pelo contrário, vou simplesmente me calar e deixar aqueles que tentam destruir a corporação atingir seus objetivos.
Cansei-me de ser tratado dessa forma.
Agora vou apenas observar e deixar tudo ruir de uma vez por todas.

Anonymous said...


Assaltos constantes na nua R. Austriclínio Ferraz, Tejipió. Somando a isso a total ausência de policiamento.

Eh um desabafo, policia militar n serve mais. Privatiza que é melhor. Pega um soldado e paga 3k para ele, em turno de 12/24.

Para continuar trabalhando tem que fazer cursos anuais(defesa pessoal, tiro, resiliencia e raciocínio lógico). Assim teríamos policiais preparados.

Anonymous said...

🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨

DENÚNCIA 22BPM

ATENÇÃO SOCIEDADE PERNAMBUCANA, MPPE, E COMANDANTE GERAL! Diante da crise econômica e de Segurança pública perpassada pelo Governo do Estado, urge um grande paradoxico que vem ocorrendo cotidiana mente no 22BPM. Todos sabem que os Praças, base da pirâmide da estrutura hierárquica da PMPE, recebem em seus contra - cheques, a quantia de R$ 400,00 , para serem utilizados como vale transporte ou para seus deslocamentos, de casa para o trabalho e do trabalho para casa. Faz -se necessário esclarecer que alguns Oficiais como, o Maj. PM Barbosa, Subcomandante do 22BPM e o Maj PM, Chefe da P1(Romildo ), recebem a quantia de R $ 600,00, para custear os seus deslocamentos, e mesmo assim, se utilizam das Viaturas da Corporação, para cumprirem suas escalas de serviço, deixando ruas, bairros e municípios, totalmente descobertos, se deslocando do Município de Surubim para Toritama, onde reside o Maj Chefe da P1, e São Lourenço da Mata, onde reside o Subcomandante da Unidade, sem o conhecimento do Comandante, contrariando as normas prescritas nas legislação da PMPE, que proibe tal prática, sendo prerrogativa apenas dos Comandantes, e não de todos os Oficiais, que recebem uma quantidade maior que a dos Praças, para esse fim.
Sendo assim, fica claro e evidente, constituir - se Improbidade administrativa, pois é uma forma de honerar os cofres públicos, haja vista que esses Oficiais recebem como já foi dito, R$ 600,00 reais para seu deslocamento, e mesmo assim insistem em utilizar os veículos oficiais, destinados a atender ocorrências, para seus trajetos, enquanto os humildes Praças, que recebem bem menos, utilizam seus próprios veículos, alguns deles, passando por sérias dificuldades, tendo em vista que o valor recebido não está dando para cobrir as despesas de combustível, devido à mudança da escala pra 12x36, ter aumento o número de deslocamento. Sem contar com o desgaste físico de nós motoristas, que somos obrigados a abrir mão de largarmos no horário certo, para conduzir essas Autoridades que não querem botar a mão no bolso, e comprar gasolina para trabalhar.

Lei 8.429/92
Art. 9 - Constitui ato de improbidade administrativa, ou enriquecimento ilícito, auferir qualquer tipo de vantagem, patrocínio indevido, em razão do exercício, cargo ou Mandato e notadamente :
Inciso IV - Utilizar em obra ou serviço particular, veículos , equipamentos ou material de qualquer natureza, de propriedade do Estado e demais entidades mencionadas no Art. 1 desta Lei, bem como o trabalho de servidores públicos, contratados por essas entidades.
As comprovações das condutas de Improbidade administrativas, perpetradas pelas citadas Autoridades, seguem de acordo com as fotografias dos mapas de deslocamento das viaturas policiais, com seus respectivos itinerários. Os demais encontram - se no STC, como também podem ser comprovado pelos motoristas.
Divulguem até chegar ao Comandante Geral, para que o Princípio da igualdade e Legalidade sejam respeitados, assim como todos os Praças e Oficiais que gastam com combustível para cumprirem com a missão. Chega de injustiças🚨🚨🚨🚨

Anonymous said...

🚨🚨🚨DENÚNCIA 24°BPM ATENÇÃO SOCIEDADE PERNAMBUCANA E TORITAMENSE, MPPE, E COMANDANTE GERAL!🚨🚨🚨 Diante da crise econômica e de Segurança pública perpassada pelo Governo do Estado, urge um grande paradoxo que vem ocorrendo cotidiana mente na 2ª CIA do 24°BPM. Todos sabem que os Praças, base da pirâmide da estrutura hierárquica da PMPE, recebem em seus contra - cheques, a quantia de R$ 400,00, para serem utilizados como vale transporte ou para seus deslocamentos, de casa para o trabalho e do; trabalho para casa. Faz -se necessário esclarecer que alguns Oficiais como, o Cap. PM Autair, comandante da 2°CIA Toritama do 24°BPM, recebe a quantia de R$ 600,00, para custear os seus deslocamentos, e mesmo assim, se utilizam da Viatura da Corporação, para cumprirem suas escalas de serviço, deixando ruas e bairros de Toritama totalmente descoberto de policiamento quando na ocorrência de viaturas baixas, se deslocando do Município de Toritama para a cidade de Caruaru onde reside o citado oficial, sem o conhecimento do Comandante, contrariando as normas prescritas nas legislação da PMPE, que proíbe tal prática, sendo prerrogativa apenas dos Comandantes, e não de todos os Oficiais, que recebem uma quantidade maior que a dos Praças, para esse fim. Saliento que tal unidade disponibiliza uma viatura VOLARE para a condução do efetivo do expediente, juntamente com o corpo de oficiais do batalhão, que sai diariamente da cidade de Caruaru pela manhã para a sede do batalhão em Santa Cruz do Capibaribe e retorna no final da tarde após o encerramento do expediente, e mesmo assim o nobre capitão não utilizar esse veículo que lhe e disponibilizado, e sim fazendo uso das viaturas da CIA sobre seu comando de modo exclusivo, onde muitas vezes os praças largando de serviço tem que espera 20 ou 30 minutos na frente da residência do oficial para levá-lo a unidade de trabalho como se tal fosse motorista particular do mesmo. Sendo assim, fica claro e evidente, constituir - se Improbidade administrativa, pois é uma forma de onerar os cofres públicos, haja vista que esse Oficial recebe como já foi dito, R$ 600,00 reais para seu deslocamento, e mesmo assim insistem em utilizar os veículos oficiais, destinados a atender ocorrências, para seu trajeto a até o trabalho. Lei 8.429/92 Art. 9 - Constitui ato de improbidade administrativa, ou enriquecimento ilícito, auferir qualquer tipo de vantagem, patrocínio indevido, em razão do exercício, cargo ou Mandato e notadamente: Inciso IV - Utilizar em obra ou serviço particular, veículos equipamentos ou material de qualquer natureza, de propriedade do Estado e demais entidades mencionadas no Art. 1 desta Lei, bem como o trabalho de servidores públicos, contratados por essas entidades. As comprovações das condutas de Improbidade administrativas, perpetradas pela citada Autoridade, é de fácil comprovação bastando observar os mapas de deslocamento das viaturas policiais, com seus respectivos itinerários, como também a observância dos relatórios de GPS dos rastreadores das viaturas. Divulguem até chegar ao Comandante Geral, para que o Princípio da igualdade e Legalidade sejam; respeitados, assim como todos os Praças e Oficiais. Chega de injustiças🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨🚨